Plano Nacional pela Primeira Infância

O Plano Nacional pela Primeira Infância (PNPI) é um documento político e técnico que orienta decisões, investimentos e ações de proteção e de promoção dos direitos das crianças na primeira infância. O foco nos primeiros seis anos é coerente com o relevante significado desse período no conjunto da vida humana e é a forma de assegurar os direitos da criança com a necessária especificidade e com a prioridade que lhe atribui a Constituição Federal (art. 227).

Campanha Criança é Prioridade – peças para rádio e áudio para Whatsapp

Faça download e compartilhe os spots de rádio da campanha “Criança é Prioridade” que abordam o tema dos direitos das crianças na primeira infância de forma simples e bem-humorada. Uma criança expressa seus desejos para uma cidade melhor, e em seguida fala-se da importância da legislação atual na garantia dos direitos, com destaque para a Constituição Brasileira, o Estatuto da Criança e Adolescente, e o Marco Legal da Primeira Infância.  O spot aborda também a responsabilidade dos prefeitos e prefeitas de tirar esses direitos do papel e elaborar políticas públicas voltadas para as crianças, e promove importância da população neste processo, acompanhando o trabalho dos gestores e defendendo os direitos das crianças pequenas. A atriz Taís Araújo, que apoia a campanha de forma voluntária, encerra o interprograma e spots.

Clique aqui para baixar o interprograma para rádio, com 4 minutos de duração.

Clique aqui para baixar o spot para rádio, com 2 minutos de duração.

Clique aqui para baixar o spot para rádio ou áudio para grupos no Whatsapp, com 1 minuto de duração.

Receite uma brincadeira

O GT Brincar, da Rede Nacional Primeira Infância, acaba de lançar a campanha Receite uma Brincadeira. No livreto abaixo você encontra dicas de brincadeiras para fazer com as crianças.

1

2

3

4

5

6

7

8

Você também pode baixar o material completo clicando aqui.

 

 

Utilização de métodos e instrumentos padronizados de avaliação na primeira infância: convergências e divergências

“Esta publicação visa enriquecer o debate sobre processos de avaliação envolvendo crianças com até seis anos de idade. Decorre da determinação do recém aprovado Marco Legal da Primeira Infância (Lei Nº 13.257, de 8 de março de 2016), segundo o qual, “As políticas públicas terão, necessariamente, componentes de monitoramento e coleta sistemática de dados, avaliação periódica dos elementos que constituem a oferta dos serviços à criança e divulgação dos seus resultados”. O Marco também estabelece que “A União manterá instrumento individual de registro unificado de dados do crescimento e desenvolvimento da criança”. Os quatro textos reunidos nessa publicação foram escritos por alguns dos principais especialistas em primeira infância do país: Catarina de Souza Moro, João Batista Araujo e Oliveira, Vital Didonet e Maria Malta Campos. Juntos, permitem que o leitor construa uma abrangente e sofisticada visão sobre o assunto. A proposta é que aqueles que têm que implementar processos de avaliação dessas políticas públicas possam encontrar aqui as principais ideias por trás das diferentes abordagens. Esse trabalho é resultado de um conjunto de iniciativas e articulações, envolvendo dezenas de pessoas e instituições. Sua história começa com o Curso de Liderança Executiva em Desenvolvimento da Primeira Infância que é voltado a profissionais cuja atividade de alguma forma envolve políticas públicas de primeira infância. Iniciativa do Núcleo Ciência pela Infância (NCPI), braço de ensino e pesquisa da Fundação Maria Cecilia de Souto Vidigal, o curso é realizado em parceria com a Universidade de Harvard, o Insper, a Faculdade de Medicina da USP e o Hospital Infantil Sabará.”

 

“O Novo Homem”

Programa da série “Aquela Conversa”, uma realização da Multirio.

“Paternidade Cuidadora”

Programa da série “Aquela Conversa”, uma realização da Multirio.

 

Marco Legal da Primeira Infância no programa Fórum, da TV Justiça

Vital Didonet, assessor legislativo da Rede Nacional Primeira Infância, fala sobre o Marco Legal da Primeira Infância no Programa Fórum, da TV Justiça.