Participação masculina na primeira infância é tema prioritário da OPAS/OMS em Quito/Equador

O coordenador de programa da Rede Nacional Primeira Infância (RNPI), Eduardo Schwarz, esteve representando a Rede na Reunião Regional “Fortalecendo a capacidade dos pais, das mães e de outros cuidadores para gerar uma criança positiva, respeitosa, com afeto e enriquecida ao longo da vida de meninos e meninas”, promovida pela Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e Organização Mundial de Saúde (OMS), em Quito/Equador, nos dias 29 e 30 de agosto de 2018.

Participaram o Ministério de Inclusão Econômica e Social e o Ministério de Saúde Equatorianos, representações políticas de Primeira Infância de diversos países da América Latina, Fundação Bernard Van Leer, Banco Interamericano de Desenvolvimento, UNICEF, Centros de Pesquisa e Universidades, sociedade civil trabalhando em Primeira Infância ou em serviços voltados para famílias vulneráveis e organizações representantes de comunidades indígenas.

O objetivo da reunião foi avançar na discussão das estratégias de ações voltadas para a promoção do desenvolvimento da primeira infância como um elemento central para aumentar a equidade e as metas da agenda 2030. A intenção é que haja incremento nas linhas de investimento direcionadas a programas para as mães e pais cuidadores, aumento da demanda por experiências exitosas e aprendizados sobre as lições aprendidas ao levar intervenções a uma escala nacional.

Com a reunião, consolidou-se a ideia de criar uma rede de países interessados em desenvolver programas efetivos e equitativos para pais e mães e outros cuidadores com a participação da sociedade civil organizada, centros de pesquisa, pesquisadores e gestores de políticas públicas voltadas para a infância.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *