Um novo momento para a Cultura e a Infância no Brasil

(Por Clarice Cardell, atriz, fundadora da compania “La Casa Incierta” e coordenadora do GT de Cultura da RNPI)

11150586_603584799778388_2343354120368145565_n
Foto: Andrea Nestrea

 

A Rede Nacional Primeira Infância esteve presente no II Fórum Nacional Cultura Infância nos dias 10 e 11 de abril, no Teatro Municipal do Jockey, no Rio de Janeiro. Foi o segundo evento organizado pelo Grupo Nacional Cultura Infância, que se reuniu para desenhar ações e propostas de políticas públicas para crianças, a partir das demandas levantadas no I Fórum Nacional Cultura Infância, em 2014.

A Rede Nacional Primeira Infância esteve amplamente representada no Fórum com a participação do CECIP, La Casa Incierta, Instituto Alana e Aliança pela Infância. Claudius Ceccon, secretario executivo da RNPI, e Clarice Cardell, coordenadora do GT Cultura da RNPI, foram convidados a falar em uma mesa, junto à Secretária Juana Nunes do Ministério da Cultura. Nesta ocasião, foi reafirmada a necessidade de se incluir a primeira infância na construção das políticas culturais, e Juana Nunes anunciou a intenção da construção de um grande projeto de cultura nas escolas de educação infantil do Brasil.

Um dos pontos fortes do II Fórum Nacional Cultura Infância foi a criação de ações “mais na ponta” e também da interlocução com o Ministério da Cultura, o que demonstra que há uma boa diversidade no grupo e um novo momento na gestão atual de Juca Ferreira, que criou a Secretaria de Educação e Formação, na qual a infância é contemplada como prioridade absoluta. Foram construídos também planos de implementação da Carta do Rio para 2015, documento este redigido coletivamente no ano anterior para fazer avançar uma política de Estado para a Cultura Infância no Brasil.

Desde o ano de 2008, quando o Ministério da Cultura organizou a oficina Brincando na Diversidade, com a participação de representantes da sociedade civil de todo o Brasil, algumas recomendações gerais para a Cultura e Infância foram traçadas, além de diretrizes e ações para os eixos: fomento, comunicação e memória, incluindo a proposta de criação de um fundo nacional de cultura da criança. Em 2011, foi realizado o 1º Encontro Nacional Cultura Infância, com aprofundamento de estudos sobre a política pública de cultura para as crianças. A partir desses encontros, profissionais de diversas áreas e de todo o país, de reconhecida competência e dedicados à causa, passaram a dialogar, continuadamente, em busca de alternativas viáveis para a inclusão da política cultural voltada para a infância, o que deu origem a uma meta específica no Plano Nacional de Cultura, via Meta 47.

Paralelamente ao Fórum, o GT Cultura e Primeira Infância da RNPI tem trabalhado intensamente na construção do I Seminário Nacional Cultura e Primeira Infância, que acontecerá nos dias 3 e 4 de setembro de 2015, no Museu da República do DF, com o apoio do Ministério da Cultura e do Ministério da Educação. No Seminário, o Ministro Juca Ferreira assinará em um ato público a adesão do Ministério da Cultura à RNPI. O Seminário contará também com relatos de diversas atividades artísticas e culturais pioneiras no campo da primeira infância.

Clarice Cardell é atriz, fundadora da compania “La Casa Incierta” e coordenadora do GT de Cultura da RNPI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *