Promundo lança pesquisa sobre licença paternidade estendida

Celebrando o mês da paternidade, o Instituto Promundo lançou no dia 25 de agosto, em evento on-line, a pesquisa “Licença Paternidade Estendida – fortalecente o investimento em políticas mais equitativas entre homens e mulheres, nas empresas brasileiras”.

“Nós, do Promundo, nos preocupamos – desde sempre – com a importância da participação paterna na vida de filhos e filhas. Na busca por um mundo mais igualitário e pelo fim de uma sociedade guiada pelo machismo, tentamos contribuir para a formação de gerações de figuras paternas mais preocupadas e conscientes de seus papéis dentro das famílias”.

O desafio desta pesquisa – realizada pelo Promundo em parceria com a Embaixada dos Países Baixos e a Fundação Bernard Van Leer – é encontrar soluções que ajudem a ampliar paternidades ativas e responsáveis, pautadas pelo cuidado. Deve sair de cena a figura do pai exclusivamente provedor. “Queremos uma nova figura paterna, mais presente, cuidadosa e atenta à vida de seus filhos. Só assim, ele será capaz de entender as dificuldades das tarefas relacionadas à criação de uma criança e/ou um adolescente na rotina doméstica. E este – ao nosso ver – é o primeiro passo para que o pai assuma o compromisso de dividir os afazeres domésticos com as mulheres”.

Para melhor entender como empresas brasileiras enxergam a licença paternidade estendida, o Instituto Promundo realizou um estudo qualitativo que ouviu 45 pessoas sobre o assunto, oriundas de organizações de grande, médio e pequeno porte. Lideranças de direção e gestão, profissionais de Recursos Humanos, e trabalhadores e trabalhadoras de áreas técnicas diversas. O objetivo principal é dar um direcionamento ao setor empresarial, órgãos públicos e governos para a construção de políticas de igualdade de gênero capazes de fortalecer uma paternidade efetivamente ativa. “É também pelo exemplo que queremos motivar outros atores a se envolverem nessa questão. Entender a prática de instituições que adotam a licença-paternidade ampliada ajuda a abrir terreno para que outras empresas se engajem no tema. Conhecer os ganhos dessas empresas – com profissionais mais produtivos e maior equidade de gênero em seu organograma – também é o nosso objetivo”.

Acesse aqui a publicação.

Confira o evento de lançamento em: https://www.youtube.com/watch?v=YcP_6y0LJP0

Durante todo o mês da Paternidade aconteceram vários eventos, de inúmeras instituições que trabalham com a temática. A programação foi super especial: webinários voltados à paternidade, equidade de gênero, equidade racial, primeira infância e paternidade nas empresas, além de lançamentos de publicações. Veja mais:

Cartilha “Fortalecer as Paternidades Responsáveis e Participativas”

Lançamento da Cartilha Fortalecer as Paternidades Responsáveis e Participativas, no Webinário de encerramento do mês da Primeira Infância de Pernambuco

Post Promundo Dia das Paternidades

Paternidade Preta na Real com Humberto Baltar e Niltinho | Conferência de Pais

Humberto Baltar, idealizador do coletivo Pais Pretos Presentes fala sobre Paternidade Preta

Entrevista: “Antirracismo e Parentalidade: a função social do cuidar”

A Parternidade Ativa e sua Importância no Desenvolvimento Infantil

Diálogos com Especialistas – Uma Proposta de Licença Parental para o Brasil

Programas de Parentalidade: práticas de visitadores adaptadas à pandemia

Publicação “Parentalidade: práticas de visitadores adaptadas à pandemia”

Podcast Pais Pretos – Paternidades Plurais – Episódio #1 – Omo Afefe

Podcast Pais Pretos – Paternidades Plurais – Episódio #2 – Pilequinho e Venicio

Podcast Pais Pretos – Paternidades Plurais – Episódio #3 – AfroPais Pretos

Podcast Pais Pretos – Paternidades Plurais – Episódio #4 – Marcelo Zig

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.